Patrono

franciscoFrancisco Saturnino R. de Brito Filho: defensor das reivindicações e propostas de interesse da classe e da engenharia
Engenheiro Francisco Saturnino R. de Brito Filho

Insigne Sanitarista e Tecnologista, espírito humanitário e com vasta inteligência e cultura o ENG. CIVIL E DE MINAS FRANCISCO SATURNINO RODRIGUES DE BRITO FILHO, nasceu em Campos dos Goytaguazes, Estado do Rio de Janeiro a 7 de agosto de 1899, filho de Alice Saturnino Braga e de Francisco Saturnino Rodrigues de Brito. Faleceu em 01 de agosto de 1977 no Rio de Janeiro. SATURNINO DE BRITO FILHO colou grau na Turma de 1923 da Escola de Minas, de Ouro Preto, como Engenheiro Civil e de Minas (1º aluno da turma).

Até 1929 trabalhou com o pai em vários projetos de sistema de água e esgotos, entre eles os das cidades de Salvador e Teófilo Ottoni. Diretor Presidente do Escritório Saturnino de Brito e Presidente do Laboratório Hidrotécnico Saturnino de Brito S.A., projetou e dirigiu às obras dos sistemas de águas e esgotos de numerosas cidades em todo o País, entre elas as de Brasília, Fortaleza, Pelotas, Poços de Caldas, João Pessoa, Maceió, Natal, Campos, Campina Grande, Aracajú e Manaus. Projetou os trabalhos da defesa da cidade de Campos e da Baixada Campista contra as inundações do Rio Paraíba, e de defesa de Poços de Caldas e São Lourenço contra inundações.

Trabalhou como consultor para a Comissão de Saneamento do Interior do Estado de Pernambuco, na construção dos serviços de abastecimento de água nas cidades de Olinda, Garanhuns, Caruaru e Vitória de Santo Antão.

Como professor universitário foi Catedrático da cadeira de Higiene e Saneamento das Cidades, da Escola Nacional de Engenharia da Universidade do Brasil, Membro de Comissões examinadoras para preenchimento de cátedras de Hidráulica e de Higiene e Saneamento em diversas Escolas de Engenharia; Professor docente livre da cadeira de Higiene e Saneamento das Cidades, da Escola de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

A participação de Saturnino de Brito Filho no desenvolvimento da Engenharia Sanitária é notória e reconhecida dentro e fora do País.

Autor de 11 (onze) livros técnicos todos publicados, abordando os seguintes temas voltados aos trabalhos profissionais:

1933

“DEFESA CONTRA INUNDAÇÕES EM POÇOS DE CALDAS”;

1936

“DAM CONSTRUCTION IN BRAZIL AND PROPOSED COOPERATION IN EXPERIMENTS ON BARTH DAMS”, apresentado no II Congresso de Grandes Barragens – Volume V – Washington;

1940

“TRATAMENTO QUÍMICO E FILTRAÇÃO RÁPIDA DAS ÁGUAS PARA USO POTÁVEL NO BRASIL”, apresentado no 8º Congresso Americano de Ciência, de Washington;

1944

“IRRIGAÇÃO E DRENAGEM”, incluído no Volume XIX das obras completas de Saturnino de Brito;
“A ENGENHARIA NO BRASIL” – características gerais da evolução da Engenharia no Meio Brasileiro;

1965

“CORRELAÇÃO ENTRE CONDIÇÕES SANITÁRIAS E DESCARGAS MÍNIMAS A MANTER NO RIO PARAÍBA, DE SANTA BRANCA A SANTA CECÍLIA”;

1934

“O PROJETO DE DEFESA DE CAMPOS CONTRA AS INUNDAÇÕES DO RIO PARAÍBA”;

1937

“O PROBLEMA DO DESTINO DOS ESGOTOS DE NATAL”;

1941

“A HIGIOTÉCNICA E O URBANISMO”;

1954

“TÉCNICA BRASILEIRA EM PROJETOS E CONSTRUÇÕES DE ESGOTOS”, em conjunto com o Eng. Geraldo Sampaio;

1971

“O SANEAMENTO DA LAGOA RODRIGO DE FREITAS”.
Liderança Nacional e Internacional

Histórico

Fundador da USAI – 1935
Em 25 de maio de 1935 as associações de engenheiros da Argentina, Brasil, Chile, Peru e Uruguai, reunidos em Buenos Aires, assinaram a ata de fundação da USAI – UNIÃO SUL AMERICANA DE ASSOCIAÇÕES DE ENGENHEIROS.

O Brasil foi representado pelo Eng. Francisco Saturnino Rodrigues de Brito Filho, que foi eleito Vice-Presidente daquela entidade. A primeira convenção da USAI seria realizada em Montevidéu e a segunda, no Rio de Janeiro.

Fundador da FEBRAE – 1935 Voltando ao Brasil, Saturnino de Brito Filho fundou no Rio de Janeiro, em 07 de dezembro de 1935 a FEDERAÇÃO BRASILEIRA DE ASSOCIAÇÕES DE ENGENHEIROS – FEBRAE com a finalidade de congregar as Entidades profissionais do Brasil e de bem representá-las nas campo internacional.

FOI PRESIDENTE DA FEBRAE DE 1946 A 1976, PRESIDENTE DE HONRA E É O SEU PATRONO.

Em 1953, Saturnino de Brito Filho conseguiu junto a Presidência República que, a FEBRAE, fosse declarada de UTILIDADE PÚBLICA FEDERAL através do DECRETO FEDERAL N.º 34.867 de 30 de dezembro de 1953, publicado no DOU de 05/01/1954, assinado pelo Excelentíssimo Senhor PRESIDENTE DA REPÚBLICA GETULIO VARGAS e pelo Ministro Tancredo de Almeida Neves.

Fundador da UPADI – 1949 Em 1947, transferida a sede da USAI para o Rio de Janeiro, resolveu a nova Diretoria, presidida por Saturnino de Brito Filho, elaborar um estatuto para uma organização que, absorvendo os membros da USAI na América do Sul, seria integrada ainda pelas associações de engenheiros dos países da América do Norte e da América Central. Em 20 de julho de 1949, reúne na Sede da FEBRAE delegados de vários países e promove, juntamente com o Eng. Luis Migone da Argentina, a assinatura da Ata de constituição da UPADI – UNIÃO PANAMERICANA DE ASSOCIAÇÕES DE ENGENHEIROS e que foi aprovada no Rio de Janeiro, durante o I Congresso Panamericano de Engenharia, contendo os estatutos provisórios que instituíram, sob a presidência de Saturnino de Brito Filho, a “Organização Provisória da UPADI”, funcionando na sede FEBRAE – Federação Brasileira de Associações de Engenheiros. Ainda sob a sua Presidência, é convocada a “I CONVENÇÃO DA UPADI”, em Havana, realizada em 1951, com a participação de 17 países, na qual foi eleito por unanimidade Presidente de Honra e onde se consolidou definitivamente aquela Entidade.

Fundador da FMOI – 1968 Saturnino de Brito trabalhou para a fundação da FMOI – FEDERAÇÃO MUNDIAL DE ORGANIZAÇÕES DE ENGENHEIROS e no dia 04 de março de 1968, a FEBRAE, por seu Presidente Saturnino de Brito Filho, esteve presente em Paris – França quando foi fundada a FMOI, e foi representante permanente do Brasil por 09 anos.

Participou em inúmeros congressos, convenções, seminários, simpósios e reuniões internacionais de Engenheiros, sempre com destaque e prestigio para a Engenharia Brasileira.

Membro do Conselho de administração do Instituto Brasileiro de administração municipal – IBAM, desde sua fundação.
Membro do Conselho Consultivo de Planejamento (CONSPLAN), da Presidência da República.
Membro do Conselho Fiscal da Companhia Hidroéletrica do São Francisco.
Membro vitalício da American Society of Civil Engineers – NY/USA.
Membro vitalício da Societé dês Ingénieurs Civils de France.
Membro vitalício da American Water Works Association – NY/USA.
Membro da New York Water Pollution Control Association Albany/USA.
Membro da Association Générale de Hygiénistes et Techniciens Municipaux de Paris.
Membro da Associación Interamericana de Ingenieria Sanitária – Washington.
Membro correspondente da Academia Nacional de Ciências de Buenos Aires.
Membro correspondente da Academia de Artes e Ciências de Porto Rico.
Sócio honorário da Sociedad de Inginieros del Peru.
Sócio correspondente do Centro Argentino de Ingenieros.
Sócio correspondente do Instituto de Ingenieros de Chile.
Sócio Benemérito e ex-presidente do Clube de Engenharia do Rio de Janeiro.
Sócio do Instituto de Engenharia de São Paulo.
Sócio Benemérito da Sociedade Mineira de Engenheiros.
Sócio da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Santos.
Sócio Fundador da ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas – Rio de Janeiro/DF – em junho/1940.
Sócio Fundador da ABES – Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – junho/1966.
Fundador e representante permanente do Brasil na FMOI – Federação Mundial de Organizações de Engenheiros – 1968 – 1977.

Palavra do Presidente

“Febrae dá um importante passo rumo à valorização profissional Visando cada vez mais o engrandecimento da classe e a valorização dos profissionais da área tecnológica, a nossa Federação está lançando um novo site, com o objetivo de divulgar as ações da Febrae e das associações federadas, como também, levar informações úteis e importantes com maior agilidade e rapidez. Temos a certeza que será um importante instrumento de comunicação, pois está mais moderno, dinâmico e será atualizado semanalmente. Desta forma contamos com a colaboração das entidades para que nos enviem notícias de interesse dos profissionais, tendo em vista que procuramos fazer um trabalho em conjunto em torno de interesses comuns, cujo resultado são benéficos para todos. Sem dúvida, isso representa uma grande conquista para a Febrae, pela qual tanto temos lutado nos últimos anos. Futuramente poderemos disponibilizar um site para cada federada, desde que haja interesse, por um valor mensal “simbólico”.”

José Tadeu da Silva
Presidente (Licenciado)